8 comentários:
De Helder Velez a 5 de Julho de 2011 às 22:21
Está um espanto. Sugiro que os que acompanham as conversas do alf, mesmo que não gostem de equações, leiam o documento. Acho que vão perceber muito do que lá está. E parabéns meu amigo, já estou a pensar que te abalances ao próximo.
Ao amigo António também os meus parabéns pelo seu livro. Vocês são o máximo.
Mas o Alf, é do outro mundo; um mundo ainda por nascer.
Estou babado com vocês.
De alf a 6 de Julho de 2011 às 19:16
amigo Helder, agradeço o teu imerecido entusiasmo e elogios, que só provam a tua generosidade. Nós, humanos, somos todos o máximo, meu caro, cada um de sua maneira, é certo, mas é isso que nos faz tão iguais.
abraço

Comentar post