22 comentários:
De alf a 20 de Fevereiro de 2010 às 00:35
os meus textos podem ser um perigo para alguns alunos, reconheço, é por isso que eu escrevi um aviso na pagina. Há muitos blogues a explicar a física «oficial» e não me ocorreu que pudessem confundir este blogue com um desses.

Estou inteiramente de acordo contigo. Aliás, penso mesmo que os matemáticos tomaram conta da física e que quem quer mesmo saber física deve optar por um curso de engenharia.

No texto que estou a preparar escrevi:

Establishing as clearly as possible the framework in which a theory is build is of utmost importance. In Mathematics that is quite straightforward because the universe of analysis is fully known and the theory is deducted from hypotheses. In Physics the deduction is not from hypotheses but from observational results, either directly or from general properties obtained by induction, and the universe of analysis is not fully known. For instance, in Mathematics one can state as hypothesis «c= constant» but in Physics one cannot state «light speed is constant» because one can only refer to some measure of light speed and one has to clarify how is such measure made and which are the presumptions behind the measuring methodology. After a theory is established in Physics terms, after the relevant facts be all identified and the universe of analysis closed, then a mathematical theory can be build that elegantly obtains the results made solid by the physical analysis and confirmed by observations, as it happens with Minkowsky work on Einstein’s Special Relativity.

Nestes posts andei à procura de caminhos para ultrapassar a tal dificuldade inerente às ideias novas que referiste no teu comentário anterior; já testei muitos caminhos, vamos lá a ver se acerto...
De Metódicca a 20 de Fevereiro de 2010 às 01:19
A física e a matemática são diferentes.
A matemática é muito mais objectiva quando estamos a falar de mostrar que algo é verdade, sabemos que temos que demonstrar tal facto a partir de premissas. As demonstrações variam, umas requerem mais ou menos criatividade, mas o método é o mesmo.
Eu não estou muito por dentro dos métodos que os físicos usam, mas acho que esse texto explica bem o procedimento :)
O 'problema' dos físicos é que têm que ter em conta uma série de parâmetros que têm que estar de acordo com a teoria para que a matemática consiga provar o que é enunciado...
Mas uma coisa é certa duvido que alguém vá contestar uma teoria que seja correctamente demonstrada (claro que posso estar a ser ingénua)

Tenho a certeza de que encontrará o caminho certo, afinal alguém tem que guiar esta viagem pelo conhecimento

Comentar post